• Mais de você em você mesmo

Resultados Olimpíadas Científicas

Um currículo de resultados acima de qualquer média

Desde a sua fundação, em 1982, o Colégio Etapa vem colecionando importantes reconhecimentos em competições estudantis estaduais, nacionais e internacionais. Todos os anos, os alunos do Etapa marcam presença nos pódios olímpicos e reforçam a tradição de ser o colégio brasileiro com o maior número de conquistas nesses torneios. Com isso, os resultados do Etapa inspiram as novas gerações de alunos que desejam ser MULTI olímpicos.
Colégio Etapa - Gráfico Brasil

Resultados que impressionam

Respeitado nacional e internacionalmente, o Colégio Etapa é uma das escolas com mais alunos premiados no mundo. Veja a seguir dados sobre nossos resultados nas principais olimpíadas culturais (dados atualizados em dezembro/2019).

Internacionais Ouro Prata Bronze Mérito
Olimpíada Internacional de Matemática 5 20* 20 12
Olimpíada Ibero-Americana de Matemática 24 18 3 -
Outras olimpíadas de Matemática** 36 57 91 2356
Olimpíadas de Física*** 10 9 10 -
Olimpíada Internacional de Química e Olimpíada Ibero-Americana de Química 7 7 7 -
Olimpíada Internacional de Informática e Competição Ibero-Americana de Informática e Computação 7 12 6 -
Olimpíadas de Astronomia e Astrofísica, Linguística, Biologia e Neurociências**** 10 13 15 15
[*] Total de medalhas de prata desde a primeira medalha conquistada pelo Colégio Etapa na IMO em 1994.
[**] Olimpíada de Matemática dos Países do Cone Sul, Olimpíada de Matemática da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Olimpíada de Matemática Rioplatense, Olimpíada de Maio, Romanian Master of Mathematics, Olimpíada do Pacífico Asiático, Torneio das Cidades, Olimpíada Iraniana de Geometria e Canguru de Matemática (todas as medalhas contam como mérito).
[***] IPhO, EuPhO, Romanian Master of Physics e Ibero-Americana de Física.
[****] IOAA, OLAA, IOL, IBO, Ibero-Americana de Biologia e International Brain Bee.
Nacionais Ouro Prata Bronze Mérito
Olimpíada Brasileira de Matemática 84 97 99 145
Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas* 22 56 79 229
Torneio Meninas na Matemática** - 1 1 2
Olimpíada Brasileira de Física 124 177 185 193
Olimpíada Brasileira de Informática 82 102 116 123
Olimpíada Brasileira de Astronomia 360 473 353 -
Olimpíada Brasileira de Química e Olimpíada Brasileira de Química Jr. 19 63 95 235
Olimpíada Brasileira de Linguística 15 51 69 24
Olimpíada Nacional em História do Brasil*** 5 3 7 9
Olimpíada Brasileira de Biologia Olimpíada Brasileira de Neurociências**** 14 5 16 -
Olimpíada Brasileira de Robótica***** 101 180 218 72
[*] Além das medalhas, o Colégio Etapa obteve o primeiro lugar entre as escolas particulares participantes em três grupos de dois níveis: 8º e 9º anos do Ensino Fundamental II (nível 2) e Ensino Médio (nível 3).
[**] A primeira edição do torneio ocorreu em 2019.
[***] A primeira participação do Etapa na ONHB ocorreu em 2013.
[****] Prêmios que, na relação de alunos, estão como 1º, 2º e 3º lugares, nas tabelas acima traduzem-se como medalhas de ouro, prata e bronze, respectivamente. A OBN teve a sua segunda edição em 2014, quando os alunos do Colégio Etapa participaram pela primeira vez da competição.
[*****] Na OBR estão computadas as premiações nas competições práticas e teóricas.
Regionais Ouro Prata Bronze Mérito
Olimpíada Paulista de Matemática 116 130 85 -
Olimpíada Paulista de Química 50 76 92 -
Olimpíada Paulista de Física 114 88 79 27
Torneio Virtual de Química - TVQ* 25 32 36 31
Olimpíada Brasileira de Robótica (Fase SP) 39 36 29 20
Olimpíada de Neurociências de São Paulo** 3 3 2 -
[*] No TVQ foram consideradas as premiações por equipe.
[**] A Olimpíada de Neurociências de São Paulo teve sua primeira edição em 2015.
Obs: Prêmios que, na relação de alunos, estão como 1º, 2º e 3º lugares, nas tabelas acima traduzem-se como medalhas de ouro, prata e bronze, respectivamente. Para outras classificações premiadas aplica-se a menção honrosa (mérito). A medalha César Lattes, prêmio mais importante da Olimpíada Paulista de Física (OPF), o prêmio especial "O Gabaritador", também da OPF, e o troféu Angelo Barone Netto, prêmio acadêmico mais importante da Olimpíada Paulista de Matemática são todos considerados medalhas de ouro. Na listagem acima, foram registradas as premiações dos alunos das unidades do Colégio Etapa em São Paulo e em Valinhos.

Se o Colégio Etapa fosse um país na IMO estaria à frente de importantes nações

IMO
1997 - 2019
Ouro Prata Bronze Participação de alunos % de medalhas de ouro por equipe
Colégio Etapa 5 19 20 56 5/56 = 8,93
Suécia 3 10 35 138 3/138 = 2,17
Áustria 2 10 42 138 2/138 = 1,45
Noruega 2 8 20 138 2/138 = 1,45
Dinamarca 1 5 25 136 1/136 = 0,73
Suíça 1 10 44 138 1/138 = 0,72
Lituânia 1 7 45 138 1/138 = 0,72
Nova Zelândia 1 9 37 138 1/138 = 0,72
Bélgica 0 13 37 138 0/138 = 0
Estônia 0 7 27 136 0/136 = 0
Finlândia 0 6 25 138 0/138 = 0
Espanha 0 3 41 138 0/138 = 0
Irlanda 0 2 8 138 0/138 = 0

Fonte: site oficial da IMO com os resultados dos últimos 23 anos.

Saiba mais sobre os destaques de 2019

Romanian Masters of Mathematics (RMM) – Bucareste, Romênia

Bernardo Peruzzo Trevizan e Pedro Lucas Lanaro Sponchiado conquistaram medalhas de bronze na 11ª edição da Romanian Masters of Mathematics. Formada por quatro integrantes, incluindo Bernardo e Pedro, a delegação brasileira ganhou três bronzes e uma menção honrosa.

Olimpíada Europeia de Física (EuPhO) – Riga, Letônia

Miguel Vieira Pereira, aluno do Etapa, conquistou medalha de bronze na terceira edição da Olimpíada Europeia de Física (EuPhO). Além de Miguel, outros quatro estudantes brasileiros participaram da competição. Juntos, eles ganharam uma medalha de prata, três de bronze e uma menção honrosa.

International Young Physicists' Tournament (IYPT) – Varsóvia, Polônia

Eduardo Bardal Slikta e Vinícius Ventura Andreossi, alunos do Colégio Etapa, conquistaram medalha de prata na fase final do 32º Torneio Internacional de Jovens Físicos (IYPT). O Brasil encerrou a participação na competição em 6º lugar no ranking geral, à frente de países como Canadá, Estados Unidos e da Rússia, que criou o torneio em 1979.

Olimpíada Internacional de Física (IPhO) – Tel Aviv, Israel

Gabriel Guerra Trigo, aluno do Colégio Etapa, conquistou medalha de bronze na 50ª edição da Olimpíada Internacional de Física (IPhO). Formada por cinco alunos, incluindo Gabriel, a equipe que representou o Brasil na competição conquistou duas medalhas de prata e três medalhas de bronze – esse foi o melhor resultado entre os países da América Latina.

Olimpíada Internacional de Matemática (IMO) – Bath, Reino Unido

Bernardo Peruzzo Trevizan e Pedro Lucas Lanaro Sponchiado conquistaram medalhas de bronze na 60ª edição da Olimpíada Internacional de Matemática (IMO). Formada por seis alunos, incluindo Bernardo e Pedro, a delegação brasileira conquistou duas medalhas de prata e quatro de bronze, encerrando a competição em 29° lugar no ranking geral.

Olimpíada Internacional de Biologia (IBO) – Szeged, Hungria

João Pedro Silva Torres conquistou medalha de bronze na 30ª edição da Olimpíada Internacional de Biologia (IBO). Formada por quatro estudantes, incluindo João Pedro, a equipe que representou o Brasil ganhou duas medalhas de bronze e uma menção honrosa. Ao todo, o evento contou com a participação de 285 estudantes de 78 países.

Olimpíada Internacional de Química (IChO) – Paris, França

Lucas Yutaka Kuroishi conquistou medalha de bronze na 51ª edição da Olimpíada Internacional de Química (IChO). Formada por quatro alunos, incluindo Lucas, a delegação brasileira ganhou duas medalhas de prata e duas de bronze.

Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB)

Os alunos do Etapa conquistaram 13 medalhas na XV Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB). No total, foram seis medalhas de ouro, uma de prata e seis de bronze. Em maio, os 16 primeiros colocados na OBB receberam as medalhas e participaram de uma capacitação final, cujos resultados determinaram os estudantes classificados para a fase internacional da competição.

Olimpíada Brasileira de Neurociências (Brazilian Brain Bee)

Maria Clara Pascaliccio Bertozzi conquistou medalha de bronze na VII Olimpíada Brasileira de Neurociências (OBN). Na competição, os participantes respondem diversas questões sobre morfologia, clínica e neurociências do nível básico ao avançado. Para figurar entre os melhores na classificação geral, os estudantes precisam garantir um bom desempenho em todas as fases do torneio.

Olimpíada Paulista de Física (OPF)

Após ganharem 51 medalhas na Olimpíada Paulista de Física (OPF), os alunos do Etapa superaram um recorde interno: este é o maior número de medalhas conquistadas desde que o Colégio começou a participar da competição em 2001.

Olimpíada de Neurociências de São Paulo (ONSP)

Maria Clara Pascaliccio Bertozzi conquistou medalha de ouro na Olimpíada de Neurociências de São Paulo, também conhecida como Brain Bee São Paulo. Maria Clara e os estudantes classificados em segundo e em terceiro lugar se classificaram para a Olimpíada Brasileira de Neurociências (OBN).

Olimpíada de Química de São Paulo (OQSP)

O Colégio Etapa foi destaque na Olimpíada de Química de São Paulo, ficando em 1º lugar na classificação geral pelo 16º ano consecutivo. Juntos, os alunos do Etapa conquistaram cinco medalhas de ouro – o maior número de ouros da história da participação do Colégio na OQSP, além de quatro pratas e cinco bronzes, que correspondem a 25% do total de medalhas distribuídas no torneio.

Olimpíadas Paulista de Matemática (OPM)

Alunos do Colégio Etapa conquistaram 4 medalhas de ouro, 11 de prata e 3 de bronze na Olimpíada Paulista de Matemática (OPM).