Aluno do Colégio Etapa conquista medalha de prata na Olimpíada Internacional de Informática (IOI)

Gabriel Silva Simões, ex-aluno do Colégio Etapa de São Paulo, conquistou medalha de prata na Olimpíada Internacional de Informática (IOI), que foi realizada na cidade de Tsukuba, no Japão, entre os dias 1º e 8 de setembro. Ao todo, mais de 300 estudantes de 87 países participaram da competição.

“Um dos objetivos da IOI é justamente descobrir, incentivar e reconhecer os jovens mais talentosos do mundo na área da informática, por isso a conquista do Gabriel é extremamente importante”, destaca Daniel Tressoldi, coordenador de Olimpíadas de Informática do Colégio Etapa.

Além de Gabriel, outros três estudantes representaram o Brasil na IOI 2018: Ivan de Ávila Ribeiro Carvalho, ex-aluno do Colégio Etapa, que atualmente estuda Ciência da Computação, na University of British Columbia (UBC), no Canadá; e mais outros dois estudantes do Ceará. Todos eles foram selecionados pelo desempenho na Olimpíada Brasileira de Informática (OBI).

 

Da esq. para a dir.: Gabriel Silva Simões, Ivan de Ávila Ribeiro Carvalho e o professor Daniel Tressoldi 

 

Etapa na IOI

Em 2006, os alunos do Colégio Etapa participaram pela primeira vez da IOI e, desde então, conquistaram uma medalha de ouro, quatro de prata e três de bronze.

Sobre a Olimpíada Internacional de Informática

Criada em 1989, na Bulgária, a IOI é a principal olimpíada de informática do mundo para estudantes do Ensino Médio. Os países participantes podem enviar equipes de até quatro integrantes com, no máximo, 20 anos de idade.

A competição envolve dois dias de provas em que os estudantes utilizam a linguagem de programação para resolver três problemas por meio do raciocínio lógico e matemático. 

 

Conheça o medalhista Gabriel Silva Simões

Gabriel Silva Simões tem 19 anos, nasceu no Rio de Janeiro e estudará Ciência da Computação na University of Notre Dame após voltar da IOI. Ele cursou o Ensino Médio no Colégio Etapa entre 2015 e 2017, interessado em se preparar para os torneios estudantis. “Eu participo de olimpíadas desde o Ensino Fundamental e o Etapa era a melhor escola para dar continuidade à minha trajetória olímpica”, conta.

Assim como Ivan, Gabriel não esconde a preferência pelas disciplinas de Informática, Matemática e Física. “São matérias que nos permitem enxergar o mundo com praticidade. Gosto da forma com que as ferramentas matemáticas são aplicadas ao mundo em que vivemos e nas disciplinas de Informática e de Física”, explica o ex-aluno do Colégio Etapa.

Nas horas vagas, Gabriel gosta de tocar instrumentos e cantar, de modo que participa de bandas musicais ligadas à igreja que ele frequenta. Além disso, ele participa de grupos colaborativos que trabalham na produção de Softwares Livres (programas que permitem ao usuário estudá-los, modificá-los e distribuí-los a outras pessoas).

Após a intensa rotina de preparações ao longo do primeiro semestre, Gabriel estava otimista e motivado a trazer a medalha da IOI para o Brasil antes da mudança para os Estados Unidos.

 

Desempenho de Gabriel em competições estudantis:

Competição Iberoamericana de Informática e Computação (CIIC): medalha de ouro (2017);

Olimpíada Internacional de Informática (IOI): medalha de prata (2018) e participação (2017);

Olimpíada Brasileira de Informática (OBI):  medalha de ouro (2015) e de prata (2016 e 2017);

Olimpíada Brasileira de Física (OBF): medalha de bronze (2015) e de prata (2016);

Olimpíada Paulista de Física (OPF): medalha de prata (2013), menção honrosa (2014), medalha de bronze (2015) e de prata (2016).

 

Conheça Ivan de Ávila Ribeiro Carvalho 

Ivan de Ávila Ribeiro Carvalho tem 18 anos, é natural de Campinas e atualmente estuda Ciência da Computação na University of British Columbia (UBC), localizada no Canadá. Ivan chegou ao Colégio em 2015, para cursar o Ensino Médio.

“Decidi que queria estudar no Etapa após conhecer a grade de aulas complementares que o Colégio oferece. Eram muitas atividades e eu queria participar de todas”, relembra. Além de integrar as Equipes Olímpicas de Informática, Matemática e Física, Ivan também participou do Etapa Model United Nations (EMUN) e do curso de Francês.

Embora tenha se engajado em diversos projetos multidisciplinares durante o Ensino Médio, Ivan tem grande identificação com as disciplinas de exatas: participou de nove competições estudantis e conquistou cinco medalhas. As recentes participações em torneios de Informática o influenciaram na escolha do curso universitário.

Nas horas vagas, o ex-aluno do Etapa costuma jogar videogame ou estudar novos idiomas. Com relação ao desempenho na IOI, Ivan prefere não arriscar um palpite. “As provas costumam ser bem imprevisíveis, mas conhecer a cultura japonesa e poder trocar conhecimento com os demais competidores já faz com que o esforço valha a pena”, finaliza.

 

Desempenho de Ivan em competições estudantis:

Olimpíada Brasileira de Informática (OBI): medalha de ouro (2016 e 2017);

Competição Iberoamericana de Informática e Computação (CIIC): medalha de prata (2017);

Olimpíada Paulista de Física (OPF): medalha de bronze (2016);

Olimpíada Internacional de Informática (IOI): participação (2018).