Aluno do Colégio Etapa conquista medalha de prata na Olimpíada Internacional de Física (IPhO)

Além da prata conquistada por Thomas Bergamaschi, a delegação brasileira ganhou quatro medalhas de bronze

Thomas Ross-White Bergamaschi, aluno do Colégio Etapa de Valinhos, conquistou medalha de prata na 49ª Olimpíada Internacional de Física (IPhO), que ocorreu entre os dias 22 e 29 de julho, em Lisboa, Portugal.

“A medalha de prata na IPhO é o resultado de dois anos de intensa preparação. O Thomas vinha se destacando em competições nacionais desde o início do Ensino Médio e já na primeira série conquistou o ouro na Olimpíada Brasileira de Física (OBF). Desde então, ele tem assistido às aulas avançadas de Física e se dedicou muito para trazer a medalha para casa”, conta Tatyana Stankevicius, professora de Física do Colégio Etapa. “Este é um excelente resultado quando se trata de uma olimpíada de prestígio como a IPhO”, conclui.  

Formada por cinco alunos, incluindo Thomas e outros quatro estudantes do estado do Ceará, a equipe que representou o Brasil na IPhO 2018 ganhou uma medalha de prata e quatro medalhas de bronze.

Este ano, a competição contou com a participação de 412 estudantes de 89 países, que realizaram uma prova experimental com duas questões, considerada longa e mais exigente em comparação com os anos anteriores, e uma prova teórica com três questões.

Sobre a IPhO

A IPhO é considerada a competição de Física mais importante do mundo e a sua primeira edição ocorreu na Polônia, em 1967. A próxima edição será realizada em Israel em 2019.

 

Conheça o medalhista Thomas Ross-White Bergamaschi 

Thomas Ross-White Bergamaschi tem 16 anos e se identifica com as disciplinas que oferecem soluções objetivas para os problemas do dia a dia, como a Matemática e a Física.  A afinidade com a área de Exatas e a dedicação aos estudos permitiu que o aluno tivesse um desempenho relevante em torneios nacionais e internacionais, conquistando seis medalhas em cinco olimpíadas.

 “A participação nas competições contribuiu para que eu escolhesse uma carreira na área de Exatas e, além disso, tento transmitir os conhecimentos que adquiri aos alunos de escolas públicas por meio de trabalhos voluntários”, comenta Thomas. 

Nascido em São Paulo, o aluno da 3ª série do Ensino Médio entrou no Etapa em 2016, com o objetivo de se preparar para o processo de seleção das universidades internacionais. Thomas, que já morou por sete anos nos Estados Unidos, pretende voltar para estudar Engenharia no Massachusetts Institute of Technology (MIT), seguindo os passos do irmão, ex-aluno do Etapa, que também estuda na instituição. 

Nas horas vagas, Thomas gosta de praticar kung-fu e de ler livros de Física e de ficção científica.

 

Desempenho de Thomas em competições:

Olimpíada Brasileira de Física (OBF): medalha de ouro (2016 e 2017);

Olimpíada Internacional de Física (IPhO): medalha de prata (2018);

Torneio Internacional de Jovens Físicos (IYPT): medalha de prata (2017);

Olimpíada Paulista de Física (OPF): medalha de ouro (2017) e de prata (2016);

Olimpíada Brasileira de Ciências (OBC): medalha de bronze (2016);

Physics Cup: 3º lugar no ranking geral (2017).

 

Leia também: 

Mais uma vez, o Etapa traz a medalha de ouro da IMO para o Brasil 

Aluno do Etapa conquista medalha de ouro histórica na IChO

Alunos do Colégio Etapa conquistam medalha de prata no IYPT

Aluna do Colégio Etapa conquista medalha de bronze na IBO