Aluna do Colégio Etapa fica em primeiro lugar na
Olimpíada de Neurociências de São Paulo (ONSP)

26 de março de 2019

A aluna Maria Clara Pascaliccio Bertozzi, da 3ª série do Ensino Médio do Colégio Etapa, conquistou medalha de ouro na Olimpíada de Neurociências de São Paulo (ONSP) 2018, também conhecida como Brain Bee São Paulo.

Maria Clara e os estudantes classificados em segundo e em terceiro lugar na ONSP irão competir na Olimpíada Brasileira de Neurociências (Brazilian Brain Bee) e o vencedor da fase nacional representará o Brasil na etapa mundial (International Brain Bee).

“A ONSP divulga apenas a classificação dos três primeiros colocados, que são os mesmos que competirão na Olimpíada Brasileira de Neurociências (OBN). Para os alunos, essa premiação é muito representativa devido à dificuldade da prova e ao grande preparo dos demais competidores”, explica Enéas Galdini Ferrazoli, professor de Biologia do Colégio Etapa.

“Essa é uma competição bastante difícil e que contou com mais de 400 participantes neste ano. É uma oportunidade para os alunos aplicarem os conteúdos que estudaram com muita dedicação e, ao mesmo tempo, é um momento importante de socialização, em que eles conhecem outras pessoas da mesma idade e que têm a neurociência como interesse em comum”, comenta Gleidson Alexsandro Ferreira, professor de biologia do Colégio Etapa.  

 

Conheça a medalhista de ouro, Maria Clara: 

Maria Clara Pascalicchio Bertozzi, 17 anos, entrou no Colégio Etapa em 2017 para cursar a 1ª série do Ensino Médio. Além das aulas regulares, ela participa dos treinamentos para olimpíadas de Biologia e de Neurociências. “Você tem que gostar muito da matéria e encontrar motivação para estudar. É preciso ter disciplina e organização para conciliar os estudos da grade escolar com as aulas para olimpíadas”, comenta Bertozzi, que está se preparando para o vestibular de Medicina. 

Ela explica que gosta de Biologia e de Neurociência, pois são disciplinas que fazem parte do cotidiano e que permitem ampliar o conhecimento sobre o mundo e como os seres funcionam. “A Neurociência estuda as funções do sistema nervoso, mas durante a preparação para as competições eu aprendo a relação existente entre o nosso corpo e o mundo ao nosso redor”, explica.

Em 2018, Maria Clara conquistou o 3º lugar na ONSP e foi destaque na OBN, ficando entre os três primeiros colocados em várias fases individuais da competição. Neste ano, a expectativa é melhorar o desempenho. “A experiência que tive no ano passado foi muito importante, pois me fez ver que alcançar um dos três primeiros lugares é um sonho que pode ser alcançado com estudo e dedicação”, afirma.