Alunos do Colégio Etapa conquistam 20 medalhas na OPM 2017

A Olimpíada Paulista de Matemática (OPM) é disputada por alunos do Ensino Fundamental II e do 1º e 2º ano do Ensino Médio

Dos 54 estudantes de escolas particulares que foram premiados na Olimpíada Paulista de Matemática (OPM), 20 são alunos do Colégio Etapa, que conquistaram 5 medalhas de ouro, 8 de prata e 7 de bronze. A segunda e última fase da competição ocorreu no dia 28 de outubro, na Universidade de São Paulo (USP), e contou com a participação de alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do 1º e 2º ano do Ensino Médio.

“Além de ser uma olimpíada de alto nível, para grande parte deles, ganhar uma medalha na OPM é o primeiro resultado em competições de matemática e isso os motiva a estudar e a buscar mais medalhas em olimpíadas nacionais e internacionais”, comenta o professor de matemática do Colégio Etapa, Régis Barbosa.

  

Na foto, os medalhistas do Nível Gama: Pedro Sponchiado (medalha de ouro), Lucas Melo (medalha de bronze), Bernardo Trevizan (medalha de ouro com nota dez na prova) e Lara Franciulli (medalha de prata).

É o caso do aluno do 3º ano do Ensino Médio do Colégio Etapa, André Hisatsuga, que recebeu de Shigueo Watanabe, um dos fundadores da OPM, o troféu Angelo Barone Netto pelo seu desempenho em competições nacionais e internacionais de Matemática nos últimos anos. 

  

O aluno do 3º ano do Ensino Médio do Colégio Etapa, André Hisatsuga, recebendo o troféu Angelo Barone Netto das mãos de Shigueo Watanabe

André começou a competir na OPM em 2011 e, desde então, conquistou prata na Olimpíada de Matemática do Cone Sul, em 2015; ouro em quatro edições da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) 2012, 2013, 2014 e 2016; e uma menção honrosa na Olimpíada Internacional de Matemática (IMO), em 2017.

 

Sobre a Olimpíada Paulista de Matemática

A Olimpíada Paulista de Matemática (OPM) é dividida em duas fases de provas para três níveis de escolaridade: nível Alfa para estudantes do 6º e do 7º ano do Ensino Fundamental; nível Beta para o 8º e o 9º ano do Ensino Fundamental; e nível gama para estudantes do 1º e do 2º ano do Ensino Médio. 
As questões da OPM abrangem assuntos pertinentes à série e a idade dos estudantes, mas diferem de outras competições de matemática. “As perguntas possuem enunciados maiores que, além de desafiar os alunos, têm o objetivo de divulgar conhecimento. Neste ano, uma das questões da OPM apresentava a teoria por trás do malabarismo com bolinhas. Isso é muito interessante, pois mostra a matemática inserida no mundo e reforça a expressão ‘a matemática está em tudo’”, explica o professor Régis Barbosa. 

 

Confira os alunos do Colégio Etapa medalhistas na OPM:

Nível Alfa - 6º e 7º ano do Ensino Fundamental

Vinícius Kenji Amano Tanaka - ouro

Vladimir Arauzo Huisa - ouro

Felipe Saneshima Brasil Barbosa - prata

Lumi Kôroku Hissataka - prata

Kristin Shin In Lin - bronze

Tomas Noronha Gradowski - bronze

Christian Tadashi Watanabe - bronze

Anita Ramos Almeida - bronze

 

Nível beta  - 8º e 9º ano do Ensino Fundamental

Luiz Henrique Yuji Delgado Oda - ouro

Olavo Paschoal Longo - prata

Daniel Yamamoto Damico - prata

Mattias Anders Silva Larsson - prata

 

Nível gama - 1º e 2º ano do Ensino Médio

Bernardo Peruzzo Trevizan - ouro  e nota 10 na prova

Pedro Lucas Lanaro Sponchiado - ouro

Gabriel Pereira de Carvalho - prata

Vitor Antunes Alcalde - prata

Lara Franciulli Teodoro de Souza - prata

Lucas Melo de Oliveira - bronze

Gabriel Kenzo Sumida - bronze

João Victor Teixeira Degelo - bronze